Professores de CEI entram em greve por atraso nos pagamentos


Os professores do Centro de Educação Infantil (CEI) Francisco Seixas, localizado no Jardim União da Vitória I, zona sul de Londrina, iniciaram uma paralisação nesta segunda-feira (23) por conta do atraso no pagamento dos salários. A greve deve continuar por tempo indeterminado até que o depósito dos valores seja realizado. Enquanto isso, cerca de 60 crianças vão ficar sem atividades na creche.

A professora Vanessa Molinari contou que os atrasos no pagamento têm sido frequentes. “No mês passado, o salário atrasou 30 dias”, disse em entrevista por telefone ao JL. A creche é mantida pela Associação Metodista de Assistência Social de Londrina (AMAS), que recebe uma verba mensal da prefeitura para ajudar nas despesas. O que ocorreu, segundo o diretor do Sindicato dos Professores das Escolas Particulares de Londrina e Norte do Paraná (Sinpro), Diego Mendes, foi que a associação entregou com atraso alguns documentos exigidos pelo município para efetivar o repasse mensal.

A entidade é responsável por outras duas creches, na zona norte da cidade. Em ambas, o atraso nos pagamentos se repete. Porém, Mendes informou que os funcionários das CEIs Regina Barros e Antonieta Trindade, localizadas na Avenida Saul Elkind, optaram por não aderir à paralisação por enquanto. De acordo com informações da assessoria de imprensa da Prefeitura de Londrina, o repasse do dinheiro à AMAS deve ser feito na próxima quinta-feira (26).

Fonte: Jornal de Londrina