Sindicato quer explica√ß√Ķes sobre contas da prefeitura


Diante do contigenciamento financeiro decretado pelo prefeito de Londrina Joaquim Ribeiro (PSC), o Sindicato dos Servidores Municipais de Londrina (Sindserv) se diz surpreso com as informa√ß√Ķes divulgadas pela administra√ß√£o. Segundo o presidente do sindicato, Marcelo Urbaneja, deve ser apresentado hoje √† Secretaria Municipal de Fazenda um pedido ''para que os nossos t√©cnicos tenham acesso aos documentos que mostram a situa√ß√£o das contas''.

Urbaneja demonstrou preocupa√ß√£o com as declara√ß√Ķes da nova gest√£o, que tem expectativa de deficit de R$ 76 milh√Ķes at√© o final do ano. ''Como pode ter acontecido isso se at√© na presta√ß√£o de contas feita publicamente pela pr√≥pria prefeitura ao final do primeiro semestre estava tudo em ordem?'', alertou.

O presidente do Sindserv sugeriu até suposta ''maquiagem'' nos dados financeiros apresentados pela gestão anterior, de Barbosa Neto (PDT). ''Se realmente estiver ocorrendo esse problema, alguém terá que responder por improbidade administrativa.'' Ele disse que se tiver acesso ainda hoje aos documentos que serão pedidos ao município, até sexta-feira o sindicato poderá ter o seu parecer. Quanto a uma eventual dificuldade para pagar o funcionalismo, Urbaneja preferiu aguardar o levantamento. ''Entendo que a prioridade sempre é pagar o trabalhador.''

Fonte: Folha de Londrina