Licitação para compra do Raio-X da UPA do Sabará é suspensa


A compra do aparelho de Raio-X da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Jardim Sabará, na região oeste de Londrina, está suspensa por tempo indeterminado. A decisão de suspender a compra foi publicada na edição de sexta-feira (21) do Jornal Oficial do Município.

Desde que passou a atender efetivamente o p√ļblico, em 10 de junho, a UPA est√° com um aparelho de Raio-X emprestado. A compra do equipamento definitivo era esperada para o fim do m√™s, mas o prazo foi adiado por conta da suspens√£o.

Segundo o secret√°rio municipal de Gest√£o P√ļblica, Rog√©rio Carlos Dias, ser√° preciso retificar dois itens na descri√ß√£o do aparelho. ¬ďHouve questionamentos por algumas empresas, e isso √© normal. A Secretaria de Sa√ļde vai ter que dizer se os pontos questionados influenciam diretamente na escolha do aparelho, e se h√° pelo menos tr√™s marcas diferentes que t√™m essa descri√ß√£o apresentada no processo¬Ē, disse Dias. Ele n√£o detalhou quais itens precisar√£o ser revistos.

A licita√ß√£o pode se tornar alvo de questionamentos do Observat√≥rio de Gest√£o P√ļblica de Londrina. Segundo Rafael Carvalho, analista de licita√ß√Ķes do √≥rg√£o, o trabalho √© feito com base em amostragem. ¬ďEstudamos licita√ß√Ķes da Prefeitura, da CMTU, da Cohab, da C√Ęmara dos Vereadores e da Sercomtel. Os casos que mais nos chamam a aten√ß√£o s√£o os que impactam mais diretamente a popula√ß√£o, como o contrato do lixo, e os de maior valor. Certamente vamos acompanhar de perto esse caso tamb√©m¬Ē.

O secret√°rio de Sa√ļde, Francisco Eug√™nio de Souza, foi procurado pela reportagem, mas ele n√£o atendeu o celular por estar em viagem para Curitiba durante a manh√£.

Fonte: Jornal de Londrina