Sindserv conquista decreto que regulamenta situação dos Servidores frente a Pandemia de COVID-19


Ap√≥s seis horas de intensas discuss√Ķes, foi publicado o decreto 350

O Presidente do Sindserv, Marcelo Urbaneja, e sua diretoria, se reuniram com o Prefeito, Marcelo Belinati, e secretários, hoje (20), para discutir o decreto que determina as medidas de emergência de saúde pública, prevenção e restrições de trabalho dos Servidores Municipais de Londrina.
Após seis horas de intensas discussões, foi publicado o decreto 350, que regulamenta a situação dos Servidores em relação à Pandemia de COVID-19. Entre outros pontos, o decreto dispõe as situações onde o Servidor poderá realizar o teletrabalho, medidas alternativas de trabalho e/ou afastamento (artigo 4º). Este decreto tem vigência de 15 dias, mas devido à evolução da pandemia, este poderá ser alterado a qualquer momento.
A longa duração da reunião foi devido às discussões que envolviam Servidores da Saúde, Assistência Social e Segurança, que não estavam contemplados no decreto proposto pela Administração. A diretoria do Sindsev não aceitou a proposta. O Presidente do Sindserv demonstrou sua insatisfação “É um absurdo deixar essas secretarias para um decreto posterior, visto que são esses Servidores que estão combatendo e se expondo ao vírus diretamente. Trabalhamos para que todos tenham tratamento isonômico!” disse Urbaneja.
O Sindicato continua cobrando melhores condições de trabalho, EPI´s e reposição emergencial do quadro de funcionários para minimizar a sobrecarga que os Servidores vêm sofrendo.
Veja a Publicação do Jornal Oficial:
https://www.londrina.pr.gov.br/images/stories/jornalOficial/Jornal-4025-Assinado-pdf.pdf